Desculpa, ainda estou aprendendo o que é o “amor”.

download

Me pergunto várias vezes o porquê de cometer em diversos momentos o mesmo erro, e sempre, sempre, não encontro a resposta. Nunca deixei de cometê-los, mesmo sabendo das consequências que isso me traria, e é isso que não traz a certeza do que busco. Meramente humana, puramente menina, sonhadora, que se encanta e se enfurece com pequenas coisas, eu. Sempre me falaram que a vida é uma simulação espiritual, e que neste mundo precisamos evoluir com as dificuldades que nos são impostas. É muito difícil entender o quiz deste planeta porque quando acreditamos ter encontrado as respostas, mudam-se as perguntas e novamente surge um ciclo de questionamentos. Coleciono quedas trevosas, totalmente subterrâneas, onde todo o meu ser se estilhaça, mas ao mesmo tempo, é nessas ocasiões que encontro o caule da minha essência, e ela como uma fênix, se regenera gigantescamente. É nesse momento que consigo entender um pouquinho desse vasto mundo, é isso! O fracasso não está em cair na escuridão, e sim em aceitar ficar lá. Se reerguer é algo muto difícil, exige coragem, mas é o que você pode fazer por si mesma. Recomeçar nem sempre significa começar do zero, as experiências não serão apagadas de você, sejam elas boas ou ruins, faça delas o adubo para seu crescimento. Adube a rosa da força que há dentro de ti, ilumine como um girassol o mundo ao seu redor, murche quando estiver sobrecarregada, mas não esqueça de abrir-se quando o dia nascer. O amor é assim, num dia vem, noutro vai. Faz estadia e chega o dia de ir embora. Há alguns que permanecem, são os que encontram em nosso seio o lugar de descanso da vida. Querem fazer desse espaço, o lugar de morada, até o fim dos seus dias. E está tudo normal! As falhas talvez sejam sinais para seguir em frente, e não posso me condenar sempre por isso. Não poderei perguntar-me novamente o porquê dos mesmos erros, é através deles que desvendo dia a dia os mistérios da vida. Partir para outro plano? Não… desculpa, ainda estou aprendendo o que é o “amor”.

_umaloucasorrateira

Anúncios

Prazer além dessa galáxia

LITTERA DENUTATA ❤

LITTERA DENUTATA

Por Thaís Ferreira

IMG_20160126_171904-736x510

Gosto de cabelo molhado
com gotas de suor
caídas no teu corpo,
corpo seu no meu
um só.
Você com essa sabedoria
de me fuder com intensidade
mais parece homem
do que anjo
fode com a alma!
Almas que se enlaçam,
se abraçam,
se gastam,
e se gozam.
Almas!
Eu,
você,
nós…
E o prazer além dessa galáxia

Ver o post original

Goles imperfeitos de um sexo sem compromisso

LITTERA DENUTATA

Por Lucas Silvério Martins

Copy of Stott, 2Intimacy with Christ detail

Eu apaguei as luzes, acendi as velas e coloquei o aromatizador no quarto. Não era tão difícil assim criar o clima. Organizei as velas de forma que um incêndio não ocorresse e que eu não derrubasse sem querer. Tentei negar as marcas daquilo que eu procurava esquecer em cada passo que eu dava. Ser vulnerável é tudo que eu preciso, e bem, pegar aquele cara que eu sempre quis, desde a primavera passada, me pareceu a melhor maneira de me quebrar. Às vezes nos despedaçamos conscientemente.

Quando ele chegou – exatamente na hora – eu comentei e ele: meu querido, achou que eu ia atrasar? Fingi para mim mesmo que o ‘meu’ era só para mim e que ele nunca tinha usado com mais ninguém. Ainda que fosse uma mentira, quem se importava? Só eu sabia, e, dizem, uma mentira contada cem vezes se torna verdade…

Ver o post original 1.166 mais palavras

Ahhh, só de pensar… o que foi feito não se pode mudar!

 

the girl whow aited-mi

Quando ponho-me a imaginar

deitada, vendo as nuvens girar

Pergunto-me:

???

Onde é que está

o tempo que se passou?

para onde o vento levou?

 …

Qual a forma de amor, aliás,

como se deve amar?

Fico aqui ou volto lá?

Passado e presente,

antes e agora

pensar muito não colabora

Melhor ficar sobre a onda do mar,

melhor não pensar, deixa pra lá.

O que foi feito, não se pode mudar.

 !!!

_ umaloucasorrateira